Seguidores

terça-feira, 7 de novembro de 2017

“Eu não entendo, mas o meu Deus sabe de tudo”, diz pastor da igreja no Texas alvo de atirador

O pastor Frank Pomeroy e a esposa Sherri, líderes da Primeira Igreja Batista de Sutherland Springs, no Texas, falaram à imprensa na tarde desta segunda-feira (6). Nenhum dos dois estava no templo quando Devin Kelley entrou no templo atirando, deixando 26 mortos e dezenas de feridos.   
                                                           
Sherri leu uma declaração onde diz que eles não perderam “membros da igreja”, mas sim pessoas que eram a sua família espiritual. Ela comentou que ainda não ‘processaram’ a morte da filha Annabelle, de 14 anos, que morreu no atentado.
Eles agradeceram o apoio e as orações que estão recebendo de pessoas do mundo todo. “Em nossa igreja nós comíamos juntos, ríamos juntos, chorávamos juntos e adorávamos a Deus juntos”, afirmou Sherri.

“Como disse outro pastor, vamos tentar glorificar o nome de Cristo”, disse Frank aos repórteres que insistiam que ele falasse sobre a filha morta. “É o que tenho dito a todo mundo, você confia [em Cristo] quando você não entende as coisas. Confie no Senhor é isso que gostaria de dizer a todos”, declarou, visivelmente emocionado.
“Eu não entendo, mas o meu Deus sabe de tudo. É nisso que vou me apoiar”, encerrou.
Segundo as autoridades revelaram hoje pela manhã, como Devin acabou morrendo, não é possível determinar as motivações para o massacre. Contudo, a sogra do atirador, cujo nome não foi revelado, frequentava a Primeira Igreja Batista de Sutherland Springs.
Freeman Martin, chefe da polícia local, disse que Kelley tinha enviado mensagens de texto ameaçando sua sogra horas antes de entrar atirando contra os fiéis. Não foi revelado se ela estava na igreja durante o culto no domingo pela manhã.
“Havia uma séria desavença naquela família”, revelou Martin, “Sabemos que ele ameaçou a sogra. Ela recebeu mensagens de textos dele”. Ainda segundo a polícia, Devin Kelley foi condenado por violência doméstica por ter agredido a mulher e o filho em 2012. 

Com informações de KGW

sábado, 4 de novembro de 2017

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Oremos pela Somália

Já confirmados 276 mortos e mais de 500 feridos em atentado terrorista na Somália


quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Intercessão – Comprando o que não vale nada

Veio a palavra do Senhor a Jeremias dizendo: Eis que Hananeel, filho de teu tio Salum, virá a ti, dizendo: Compra o meu campo que está em Anatote, pois a ti, a quem pertence o direito de resgate, compete comprá-lo. Jeremias 32.7

O profeta Jeremias estava encerrado na prisão quando lhe foi oferecido a compra de uma propriedade conforme fora dito pelo Senhor. Então o profeta comprou o campo de Anatote e a escritura foi colocada num vaso de barro e, então Jeremias profetiza que ainda se comprariam casas, campos e vinhas naquela terra, demonstrando assim confiança naquilo que Deus lhe havia anunciado.

Se analisarmos bem, foi um ato louco, porque a cidade estava na eminência de cair, com o exército caldeu às portas e ninguém compraria algo que provavelmente seria tomado pelos invasores, ou seja, aos olhos humanos aquela propriedade não valia absolutamente nada. Há de se considerar também que o profeta estava preso e não teria como desfrutar dessa terra, mesmo que não fosse invadida. No entanto, Deus havia dado ordens para que se comprasse.

Muitas vezes somos tomados por situações e circunstâncias que, aos nossos olhos, não há saída, não há esperança, nenhuma perspectiva. Esquecemos que Deus conta conosco para que venha restauração sobre situações e problemas insolúveis, para que chegue salvação e socorro a pessoas que temos como irremediavelmente perdidas. Afinal, interceder é comprar o que não vale na certeza que um dia aquilo terá muito valor.

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Ardente expectativa

"Toda a criação geme e está com dores de parto...aguardando ardentemente pela manifestação dos filhos de Deus" 

Romanos 8:22,19